Estados Unidos suspendem importações de carne bovina in natura do Brasil 23/06/2017

A Secretaria de Agricultura dos Estados Unidos comunicou nesta quinta-feira (22) a suspensão de todas importações de carne bovina in natura do Brasil. Em nota, o governo norte-americano informa que a decisão é temporária até que o Ministério da Agricultura tome providencias corretivas e satisfatórias na produção da carne brasileira.
Devido à problemas com vacina contra aftosa americanos suspendem importação da carne brasileira
 
Ainda segundo o comunicado, o Serviço de Segurança Alimentar e Inspeção dos Estados Unidos analisou 100% dos lotes de carnes enviados ao país e 11% foram rejeitados. Um índice, de acordo com o Departamento de Agricultura EUA, superior à taxa média de rejeição da carne importada.
 
Logo após o comunicado o Ministro da Agricultura, Blairo Maggi, fez um pronunciamento informando que vai aos Estados Unidos pessoalmente levar esclarecimentos às autoridades norte-americanas. Ele ainda lamentou que a decisão do ministério, nesta quarta-feira (21), de suspender as exportações para os Estados Unidos de cinco plantas frigorificas não foi suficiente para evitar o embargo e que está finalizando uma nova Instrução Normativa de fiscalização dos 13 frigoríficos habilitados a exportar para os Estados Unidos.
 
A não conformidade identificada nas exportações da carne bovina brasileira está relacionada a imunização da febre aftosa, que provocou abcessos nas carcaças exportadas fruto de uma reação a componentes da vacina. Sobre isso o ministro disse que vai ser aberta uma sindicância para investigar a produção destas vacinas e identificar o tipo de reagente que vem causando essa lesão.
Fonte: Infomoney
Ouvidoria: 0800-724-3080 | Telefone: (18) 3311-0800 | Fax: (18) 3311-0815 | Rua Claudionor Sandoval, 741 - Jd. Paulista - Pres. Prudente-SP
COPYRIGHT © 2012 - Cross Investimentos - Consultoria Empresarial - Todos os direitos reservados - Desenvolvido por: Luz Própria - Criação de Sites