EUA: Consumidores adoram a carne, mas querem proibir abatedouros 23/01/2018

 Enquanto mais de 90% dos consumidores dos EUA comem carne pelo menos ocasionalmente, quase metade (47 por cento) dos entrevistados em uma pesquisa recente concordou com a declaração, “eu apoio a proibição de abatedouros”.
Na Pesquisa Mensal de Demanda de Alimentos (FooDS), conduzida pela Universidade Estadual de Oklahoma, foi questionado se aqueles que concordaram com a declaração estavam cientes de que os abatedouros são necessários para a produção de carne; do total,, quase três quartos (73 por cento) disseram que estavam.
 
Este conjunto contraditório de respostas ecoa uma pesquisa realizada no final do ano passado pelo Instituto Sentience, em que 42 por cento dos entrevistados concordaram com o comunicado: “Apoio a proibição dos abatedouros”.
 
“O número, francamente, parecia ultrajante, já que mais de 90% dos americanos comem carne regularmente e é bastante difícil fazer isso sem abatedouros”, disseram os autores dos FooDS, Bailey Norwood e Susan Murray. Eles decidiram recriar a pesquisa para ver se obtinham os mesmos resultados.
 
O resultado surpreendente “fornece um momento de aprendizado sobre o uso das respostas de pesquisas”, disseram os autores da FooDS. “Por mais úteis que sejam, as pessoas irão declarar atitudes em pesquisas que serão contrárias aos seus comportamentos no mundo real. Dito isto, as pesquisas às vezes podem nos dizer mais sobre o que os consumidores querem nas suas instituições sociais e políticas do que seus comportamentos individuais.”
Fonte: MeatingPlace.com, traduzida e adaptada pela Equipe BeefPoint.
Ouvidoria: 0800-724-3080 | Telefone: (18) 3311-0800 | Fax: (18) 3311-0815 | Rua Claudionor Sandoval, 741 - Jd. Paulista - Pres. Prudente-SP
COPYRIGHT © 2012 - Cross Investimentos - Consultoria Empresarial - Todos os direitos reservados - Desenvolvido por: Luz Própria - Criação de Sites